Mais passadiço?!

DSC_0030

Bom, chegou a hora de fazer mais um critica. Para quem me conhece sabe bem que passo a vida a criticar. Claro, criticar é uma coisa boa, mas só quando é feita com cabeça e com um fim, consciente do impacto da critica. Não sou como a maioria das pessoas, que criticam só por poder criticar ou apenas porque lhes apetece. A minha critica não é apenas direcionada ao que penso estar mal e que pode ser melhorado, mas também ao que estando bem pode melhorar. Isto porque criticar não é apenas opinar negativamente sobre algo, uma critica também pode ser construtiva. Mas neste caso, estou mesmo a criticar uma coisa que está bem e que querem por mal.

Quem me segue no Facebook sabe que no Domingo de dia 16 fui com a minha família ao Passadiço do Paiva. Digo-vos, esse trajeto está algo muito bem conseguido.

Em primeiro lugar o que me saltou imediatamente à vista foi a forma que este foi construído, bem…, eu gostava ter visto algum (registo) vídeo do decorrer do processo de construção, deve ter sido interessante. Digamos que o que foi construído, foi, como podemos imaginar pelo que vimos, algo complexo e demorado. A forma como foi desenhado, e bem conseguido penso eu, tentando minimizar ao máximo o impacto visual no ambiente selvagem que o rodeia. E que ambiente! As paisagens são magníficas, o ar é puro e há uma ausência de sons artificiais (carros, buzinas, …), de todas aquelas coisas que estamos habituados no nosso dia a dia na cidade (Eu ainda tenho a sorte que vivo numa aldeia🙂 ). É bom existir um local assim para passar algum tempo com a família, amigos ou mesmo sozinho, para refletir e colocar as ideias em ordem.

DSC_0017

Mas passando à critica negativa, que não é certamente do local, mas sim do que as pessoas andam a dizer sobre ele, nas rede sociais e blogs. Hoje saiu uma noticia que informa que iram adicionar mais 12 Km de passadiço, um bar suspenso e casas de banho. Eu irei já comentar essa notifica mais à frente. Mas primeiro vou passar a citar uma fulana que certamente nem lá pôs os pés. Diz ela assim no Facebook:

Bem precisam porque de passadiço vi muito pouco e bares vi um que estava a pinha !!! E já agora façam também um parque de estacionamento em condições

E numa resposta mais à frente:

(…) é verdade, não fiz o percurso todo porque as condições não ajudaram . Estavam quase 40 graus , tive que deixar o carro muito longe do início do percurso e quando comecei a ver que a maior parte do percurso eram subidas com caminhos de cabras , cheios de pedras, desisti ! !!! A verdade é que casas de banho, algum bar a vender água que fosse , e mais passadiço , ajudava bastante , isto pra mim claro! Há pessoas que podem preferir que quanto menos , melhor ! Opções e gostos !

Comentemos isto, “passadiço vi muito pouco” bem isso quer dizer que andou 20m desde quem entra do lado de Areinho, esqueceu-se é que são 8Km, e sim, é quase tudo passadiço são poucos metros em terra (ou caminho de cabras como esta senhora chamou). Para não falar em subida porque é óbvio que tem que as haver, trata-se de uma zona montanhosa, certamente deveria querer escadas rolantes não? Já na parte do parque de estacionamento concordo que tem que ser feito algo em relação a isso, mas também esta afluência inicial é que faz com que seja complicado estacionar. Em relação  a necessidade de casas de banho têm o meu total apoio, porque o que está a acontecer que que as pessoas estão a encher o mato de papel higiênico e de lenços.

DSC_0048

Passando para a parte dos bares. Eu acho que é uma tremenda estupidez acrescentar bares durante o decorrer do passadiço, acho que o próprio passadiço já é estragar uma zona que era virgem, com interação humana(mas um mal necessário para se poder usufruir de tal beleza). Se há coisa que os Humanos sabem fazer melhor do que ninguém e estragar a natureza, que é tão bela e necessária para a sobrevivência de todos os seres vivos deste planeta. Se precisam de comer e de beber façam como a maioria das pessoas (tal como eu), levem uma mochila. É assim que melhor se aprecia o percurso, levando apenas o necessário e não deixando nada mais que as marcas das pegadas da passagem. Lembrem-se de levar sacos do lixo para não deitarem os desperdícios no chão, não interessa se fazem isso em casa… aquele lugar é de todos e é para manter limpo. Mas ainda quero acrescentar, o que que vão fazer com os esgotos dos bares suspensos, vão para o rio? De zona protegia passará a uma zona destruída… lamentável, quem quer ser responsável ?
Para finalizar… 8Km já é bom, não estraguem ao fazer mais 12. Não mexam no que já está bom. Aproveitem e criem oportunidades em volta do que já existe, como por exemplo um estalagem um bom restaurante, ou seja uma melhor zona circundante, mas sempre em harmonia com a natureza.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s